Stand up comedy

Padrão

How does stand up comedy come back??

Stand up comedy is in communication the act of communicating, it is the way we call a humour show which also can be designated by clean face humour.

This type of standing humour became a trend because of having appeared again in television, due to the strength and impact that the media has the capacity to create in the viewer, making many things become trends as it happened with stand up.

One of the great pioneers of stand up in Portugal was a great man call Raul Solnado, who is a person with a lot of humour and an easy burst of laughter, in the year of 2003. But it was in 2009 that it consolidated its existence through television programs.

This type of humour has always existed but was from television and even in shows that brought about a bigger interest in a bigger variety of audiences.

The media have always had the capability of spreading the world and it was this way that this kind of show and comedy became known here in Portugal, essentially due to the program transmitted by SIC “Stand up and laugh”, where several actors did a show to entertain the public.

This is common and well know way of of playing with cultural icons, symbols, or publish figures and celebrities, with the purpose of humour or satire.

In this type of communication we can use all the types of communication, namely verbal communication and non-verbal communication. To communicate in this way it is necessary to be assertive, to create character who identified with us, to rehearse and to do it so that it is spontaneous in the hour of the acting. This requires a deepeneed knowledge of ourselves so that in the hour of the presentation everything is credible and well accepted by the public.

What differentiates a comedian of stand up of other styles of communication is the fact that he does not tell know jokes, everything he says is original, when many rules not are on the exposed subjects, which allows a constant evolution.

After seeing a presentation of this type of comedy by Paul Almeida and to have a notion of how to communicate I completely surrender to this form of communicating of both comedians.

For them all the forms of communication count, from gestures, glances, sounds, musician as the form of reaching everybody.

For two hours and thirty minutes of presentation both spoke, sang, always touched, with the glance in the public, interacting with them even making so the show still more interesting.

 

Por: Rafaela Pereira

Dia Mundial do Livro

Padrão

Imagem

No passado dia 23 de abril foi comemorado o dia mundial do livro, como forma de demonstrar como é importante a leitura no desenvolvimento de conhecimentos e não só.

A escrita é um tipo de comunicação verbal, onde quem escreve tem a possibilidade de colocar no papel os seus sentimentos e pensamentos.

A escrita tem como principal função a utilização de sinais (símbolos), de forma a que quem escreve possa exprimir ideias, muitas vezes ate como forma de revolta sem que sejam

Esta técnica não passa de mais uma das tecnologias existentes na comunicação sendo necessário que exista coerência e coesão de ideias de forma a que a comunicação seja eficiente levando a ideia, o pensamento ao leitor.

Com o desenvolvimento das novas tecnologias a escrita e a venda de livros tem vindo a ser desvalorizada, isto porque através de meios como a internet cada vez mais o acesso a todo o tipo de informação é cada vez mais facilitado.

Escritores como Manuel Alegre (ou António Valadares), tentam muitas vezes o método mais direto para caçar um sonho com palavras “Cheguei a pensar que podia escrever a dormi. Peguei no caderno e na caneta. Adormeci assim. E assim acordei. Só havia uma palavra: NEC.” In visão. Com isto podemos afirmar como a escrita é importante na vida de quem escreve, para este senhor apesar de esta ter sido uma tentativa falhada é escrevendo que transmite as suas ideias os seus sentimentos.

Por: Rafaela Pereira

Coca-Cola the most famous drink of the world

Padrão

200px-Fernando_Pessoa_Heteronímia‘First you think it’s strange, then it sinks in’ the first slogan created by Fernando Pessoa for Coca-Cola. This advert never reached the homes of the Portuguese, but it still makes a lot of sense today..

If we did not know Coca-Cola so well, it would not be so interest talking about it! We must not forget the merit of this brand, as after one hundred years people all over the world still talk about it.

Coca-Cola and its capability to reinvent itself continues to produce emotions, whether it is on a terrace, together with a football match, during meals of modest families or simply to quench athletes’ thirst, served with ice and a slice of lemon. This is how we all know it!

Por Sara Silva

Marca Doritos permite criatividade!

Padrão

Andava a percorrer as minhas redes sociais quando encontrei este vídeo num site. Pareceu-me interessante e decidi procurar informação! Parece que todos os anos o evento desportivo com mais audiências do Estados Unidos permite que vários patrocinadores apostem milhões para passar a sua publicidade.

A marca Doritos promoveu este ano um concurso, pelo sétimo ano consecutivo, onde cineastas amadores podem criar anúncios de 30 segundos para passar na grande final do National Footbal League.

Este é um dos 5 vídeos bastante criativos que concorreu aoDoritos Crash The Super BowlPodes ver neste site os restantes anúncios criados. Vejam e deem-me a vossa opinião! 🙂

 

Por Sara Silva

Contra o sedentarismo

Padrão

A nova campanha da Coca-Cola de nome “¿Y si nos levantamos?”, pretende demonstrar e consciencializar para a necessidade de termos um estilo de vida saudável, apresentando uma campanha contra o sedentarismo.
Este vídeo leva-nos a refletir sobre um dos maiores problemas nas sociedades nos dias de hoje, levando-nos a refletir para o facto de sermos manipulados pelas “cadeiras”.
Todos temos consciência do quanto as bebidas gaseificadas são prejudiciais a nossa saúde, sendo a Coca-Cola uma delas. Mas em todas as suas publicidades sempre se focaram essencialmente na alegria, amizade e felicidade.
A Publicis Espanha, neste novo anúncio retirou todo e qualquer protagonismo a bebida em si, e focalizou a sua atenção para a saúde e bem-estar do consumidor, dando a esse mesmo a possibilidade de escolha de beber ou não Coca-Cola, aliando isso a um tipo de vida mais saudável.
Com isto tiveram como principal objetivo tentar mudar a opinião pública para este tipo de produto, sendo que é necessário saber comunicar para quem compra e para quem irá consumir, tentando assim criar um novo posicionamento da marca na mente do consumidor, como podemos verificar na teoria que foi aplicada na analise do processo informativo por Kurt Lewin.
Desta forma a marca tenta motivar as pessoas a mudarem de estilo de vida.

E tu vais continuar sentado?

Por: Rafaela Pereira

RED

Padrão

Vodafone Red, é novo, é sem stresse, é a tua cara, é atrevido…
A Vodafone lançou a 7 de março uma campanha massiva com o intuito de abranger várias classes etárias e sociais. Entre uma publicidade dinâmica e inovadora a Vodafone procura captar a atenção do público apresentando a sua nova oferta de uma forma até então revolucionária. No primeiro dia desta campanha todas capas de jornais, bem como, as paragens de autocarro fizeram-se ver na cor vermelha. Com um misto de emoções, palavras e sensações a Vodafone apresenta o seu vídeo de publicidade, atualmente, ao alcance de todos.
Eduardo Cintra Torres, especialista em análise mediática, num artigo intitulado Vodafone Red, diz que há muito que não se via uma campanha que desperta-se tantas emoções em simultâneo, levando jornalistas a render-se e afirmar que mais empresas deveriam tomar esta atitude.
Ao longo de toda a sua descrição Eduardo Torres descreve-nos a forma como a campanha chegou ao público e a capacidade que teve através de imagens e frases de seduzir, dando especial atenção a três frases “RED é feliz”, “RED é tudo junto”, “RED é todas as coisas boas”. Com isto o autor partilha a forma como a comunicação é essencial na nossa vida, sendo que as comunicações eletrónicas não substituem as comunicações pessoais mas satisfaz em parte a necessidade de comunicar.
A marca ao investir numa campanha desta dimensão conseguiu por um lado não passar despercebida, e, por outro, artigos como o do Cintra Torres falam sobre o assunto. Do ponto de vista comunicacional é eficiente.
Em suma: a Vodafone fez uma campanha que se transformou em notícia, colocou toda a gente a falar do assunto (isto é, a marca fez com que toda a gente não a ignorasse e com repercussão mediática). A marca criou um pseudo-acontecimento (Daniel Boorstin), um acontecimento criado de propósito para ter cobertura mediática.

Por: Rafaela Pereira

Já pensaste em como a tua voz é importante?

Imagem

© Copyright 2010 CorbisCorporation

Já pensaste como necessitas da tua voz? Como ela e importante para o teu dia-a-dia? Já alguma vez sentiste curiosidade em saber que fala naquele anúncio que ouves pela manhã, ou até mesmo no final da tua série favorita? O quanto é importante a voz para quem as cordas vocais são o seu instrumento de trabalho?
Pois então essas são questões difíceis de responder mas que todos nos interrogamos, sendo vozes que ouvimos diariamente e que passam a ser familiares ao nosso ouvido, quando se trata de publicidades de rádio, televisão entre outro. Mas também temos de perto e mais fácil comunicação os professores que tem exatamente esse instrumento diário de trabalho.
A voz é um elemento importantíssimo no campo mediático – televisão e rádio, por exemplo. Nestes meios de comunicação social, e essencial uma correta utilização das cordas vocais tanto a nível do cuidado para com a nossa saúde como para que possa haver uma transmissão eficaz da mensagem que queremos transmitir. Frequência, intensidade e timbre são os três principais elementos a cuidar quando queremos preservar a nossa voz. Num meio tão competitivo, porque não utilizar esta característica humana como fator diferenciador?
Aqui ficam então alguns cuidados que se devem ter no que toca a preservação da nossa voz. A higiene vocal é essencial sendo necessário também evitar falar com muita intensidade, evitar ingerir líquidos em temperaturas extremas, evitar o consumo de álcool e o ar condicionado.

Podemos não nos aperceber de quando uma voz está “doente”, mas uma voz alterada ou a disfonia é qualquer distúrbio em função de uma alteração funcional ou orgânica do trato vocal, que pode causar consideráveis restrições emocionais, sociais e funcionais, devido ao comprometimento da comunicação. Podendo ainda ter como consequência um impacto negativo ao ouvinte, influenciar os relacionamentos interpessoais, prejudicar a vida social e interferir no trabalho.

Os alertas nestes dia através dos meios de comunicação são cada vez maiores tentando chegar cada vez mais rápido a todo um público, incentivando a uma vigia e ainda fazendo a divulgação de rastreios gratuitos para que a saúde vocal seja testada.
Na minha opinião apesar de cada vez mais este tipo de assuntos ser divulgado, deveria ser de uma forma mais eficaz. Sendo que não é algo que passe todos os dias na televisão e não é um tema que se fale ao longo de todo o ano, devemos dar mais importância a estes temas para que mais pessoas tenham a possibilidade de também se deslocarem e poderem participar neste tipo de eventos.

Por: Rafaela Pereira